Follow

poesias poemas reflexões devaneios sonhos memórias suavidade belezas vida bom-gosto

Owner: retalhosdoquesou

Listed in: Personal

Language: Brazilian

Tags: poesias, poemas, reflexões, amor, pensamentos

Report it


Site Statistics

Unique Visitors Today:
0
Page Views Today:
0
Unique Visitors this Week:
0
Page Views this Week:
0
Unique Visitors this Month:
0
Page Views this Month:
0
Total Unique Visitors:
76,446
Total Page Views:
155,863
Total Hits Out:
104
Traffic Chart

Latest Blog Posts for Retalhos do que sou

  • Amantes
    on Aug 31, 2015
    Les amants - René MagritteTransformar em poesiafeito toque imperceptível ao tatoAmar com palavras feito sussurro que arrepia a peleAmantes desses que compartilham o tempo, os segredos... Histórias de pele que só as sabem a lua e o...
  • A lei ria da saudade
    on Aug 4, 2015
    A justiça de Salomão era sábiamas, jamais preencheria os braçosque ficaram abruptamente vaziosA lei ria da saudade!Por instantes a dor do silêncioCalava o risoEnquanto a vitrola Soprava nos ouvidosAcordes eternosPoesia sem fimSem lareira ne...
  • A riqueza que prejudicou - Verdade revelada
    on Jun 2, 2015
    Pedras alexandritaA verdadeira história: Havia uma motivação não revelada.O crime: Terem nascido sobre um solo que abriga ricas jazidas minerais. A desculpa: Discursos racistas de defesa de minoria diziam proteger os indígenas contra o home...
  • O mesmo
    on May 27, 2015
    São dois partirSó cabe um existirNunca faz o mesmoa incançável repetiçãoda ampulhetaVocê mil frasesEu a canetaVanT'attends Quoi - Zaz...
  • Espelho
    on May 16, 2015
    Esculpo a forma de um sentir inapropriado ao talho, em sua forma intimanente desconhecidatateio varandas, procuro janelasSão belas todas elasEram portas semi abertashoje frestasAo olhá-lasvejo a lembrançaem evidente pujançaO marsob os pés s...
  • Esconderijo do verso
    on Apr 4, 2015
    No esconderijo do versoA imensidão da alma inconquistávelO bater de asas do tempoQue carrega consigo a vida inteiraNum alforje de palavrasPode-se dizer um milagre do afetoPodem-se contar cristais de cujas pontas afiadasPendem gotas vermelhas de mor...
  • Superviviente
    on Jan 21, 2015
    Deixo-vos a mim...Ao passar por tuas mãos e teus olhosdarei ao teu pensamentoos contornos que não visteSerei eu feito brisa a tocar-lhe a faceinvisível e sensivelmentecomo um movimento que não conhecesteSerei eu audível como notas musicaisa comp...
  • Charlie: Ser ou não ser não é a questão
    on Jan 16, 2015
       Esta é a primeira vez que me manifesto na internet sobre o episódio que mobilizou a opinião pública no planeta -- o ataque terrorista ao jornal satírico Charlie Hebdo, com sede em Paris -- que resultou na morte trágica de jornalist...
  • Metáfora das cores
    on Jan 12, 2015
    Não houvesse ninho etivera eu asaspousaria imperceptivel ao teu ladopara em silêncio te observar compenetradoTivera eu forçascarregaria os fardos da saudade sem o eco da vontadeMas eu só tenho o avesso da liberdadeTivéssemos nós mais uma vidaE...
  • "in verbo"
    on Jan 8, 2015
    Ela não tem prima Verasó Júlia, Clara e SofiaE, todos verãoQuedele ficou aáriaou tonoNela  "in verbo”VanÁria Suite nº 3 de BachDavid Garret...
Loading Comments...

Comments

{ds_PageTotalItemCount} commentcomments
{pvComments::date}
{pvComments::comment}

Post a Comment

Close